terça-feira, 27 de outubro de 2009

Hmmm que bom almocinho: PÃO CENTEIO ALEMÃO + SALMÃO + PEPINO



Pepino previamente marinado em vinagre e água, e pão escuro de centeio inteiro barrado com um pouco de queijo creme philadelphia light...
Healthy Fast Food para saborear devagaaar!
Este foi o meu almoço recentemente, estando eu com fome e sem muito tempo. Há que ter em casa os ingredientes para MONTAR almoços saudáveis e saborosos!
Bom apetite!
Madalena

4 comentários:

Diana disse...

Parece-me uma boa sugestão. Talvez experimente quando precisar de preparar um almoço rápido! :)

Anónimo disse...

Boa Tarde.

No âmbito da disciplina de PDI III (Projecto de Design Industrial III) inserida no curso de Design Industrial do Instituto Politécnico do Cávado e do Ave (IPCA), implementado na cidade de Barcelos, gostaria de pedir a Vossa Excelência uma pequena colaboração para ajudar a desenvolver o meu projecto da disciplina a cima referida.

O objectivo do projecto é desenvolver um produto que regule a quantidade de alimentos necessários diariamente ingeridos.

Basicamente um prato/termus com indicações nutricionais que ajudem assim as pessoas que se encontram em dieta a mantê-la, e também ajudar pessoas que tem outro tipo de problemas alimentares.

Gostaria de pedir a Vossa Excelência se me poderia fornecer informações à cerca dos alimentos necessários a serem ingeridos diariamente, quais as quantidades e as calorias.

Como as informações na internet nem sempre são as mais correctas, pedia a ajuda de um profissional especializado a colaboração para assim conseguir realizar um projecto credível.

Muito obrigada pelo tempo disponibilizado.

Cumprimentos,
Mara Fernandes e Filipa Correia


PS: EMAIL: mara.fernandes@sapo.pt

Madalena Muñoz disse...

Cara Mara

Bom dia!

Demorar-me-ia imenso tempo a escrever e a explicar-lhe muitas coisas, pois a sua pergunta não tem uma resposta simples nem linear (seria como reduzir uma licenciatura de nutrição em 3 ou 4 frases), podendo ter 101 variantes... e se lhe respondesse, correria o risco de não ser o que pretendia exactamente.

Sugiro que se dirija pessoalmente a uma nutricionista ou dietista, onde me incluo.

De outra forma, um ponto de partida seria a nova roda dos alimentos (google it), onde poderão encontrar o folheto descritivo com doses e quantidades.

Sugiro ainda estreitarem muito mais o objectivo pretendido do vosso projecto, ou correm o risco comum de ao quererem abranger um enorme espectro da população, acabam por não serem úteis para ninguém. Por exemplo: porque não concentrarem-se na alimentação saudável de jovens, raparigas, da vossa idade e com os vossos níveis de dispêndio energético, sem problemas de saúde - apenas numa de prevenção? Já seria um grande feito! Até eu ficaria interessada no vosso projecto!!


Melhores cumprimentos e felicidades,

Madalena Muñoz
Nutricionista
www.madalenamunoz.com

Anónimo disse...

Que belíssima sugestão!!!!
Quero felicitá-la pelos seus blogs (o pessoal e o consultório). Já me foram muito úteis.
Ana Isabel Gândara